Mudança… na Empresa?

Qualquer operação de Gestão relacionada com a mudança tem de ter contornos organizacionais muito definidos e bem comunicados. Existem dois caminhos possíveis: “vender” internamente os “drivers” de motivação necessários para que tal mudança aconteça, como por exemplo: demonstrar claramente como determinados processos ficariam mais competitivos para todos, movendo a organização para um novo patamar de competitividade e eficiência, ou então provocar uma “crise artificial” que permita refletir a potência da necessidade de mudança estratégica.  Leia o artigo original em: http://ow.ly/yIxKy

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.